Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2009

2010

publicado por Elisabete às 11:13
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quinta-feira, 24 de Dezembro de 2009

NATAL DE TODOS

 

 

Natal
Hoje é dia de Natal.
O jornal fala dos pobres
em letras grandes e pretas,
traz versos e historietas
e desenhos bonitinhos,
e traz retratos também
dos bodos, bodos e bodos,
em casa de gente bem.
Hoje é dia de Natal.
- Mas quando será de todos?
                                              Sidónio Muralha
 

 

publicado por Elisabete às 17:23
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 14 de Dezembro de 2009

Ver para lá do imediato

 

 

O problema do clima  
 
1....é, antes de mais, o problema do clima social em que vivemos. Nós todos somos responsáveis? Certamente. Talvez, acima de tudo, por havermos permitido que se formasse e desenvolvesse -e de que maneira se desenvolve!- esta sociedade mercantil e consumista- Ela é só isso e mais nada: produzir, colocar no mercado, fazer com que o produto se venda. O produto é mais importante do que o homem. O crime em curso -a destruição da Terra- está intimamente ligado ao novo Bezerro de Ouro: o produto. Abraçado a ele, gira o lucro, ferve a concorrência, alarga-se a globalização da monopolização. Eis as palavras, os chavões (mercado, concorrência, produto, lucro) que me repugnam (revoltam) e matraqueiam o cidadão comum e o convertem num suicida inconsciente, saqueador do ambiente. O cidadão comum alimenta o mercado –e alimenta-o convicto de comprar a felicidade. Para o conseguir, aceita a nova escravatura: o emprego a prazo, o horário sufocante, os gritos do capataz que lhe exige que... produza. De homem não tem nada; de neo-objecto tem tudo. Alguma vez, para arejar o mundo, quem nos explora sacrificará algum negócio?
 
2.Andrea Zanzotto, poeta italiano, amante do espaço livre e da paz dos arredores de Treviso, ouvido acerca de Copenhaga e das habituais cimeiras que tratam o ambiente, comentou: “Hoje todos parecem dominados pelo fascínio do auto-engano”. E acertou em cheio: o modo do cidadão sobreviver ao massacre quotidiano é iludir-se, convencer-se de que a vida começa e acaba no produto: carro, telemóvel, internet, resorts, sexo fast food. Enterra-se a si próprio, esquece dignidade, individualidade, alma.
 
Manuel Poppe, O Outro Lado

Jornal de Notícias [13.Dezembro.2009]

publicado por Elisabete às 16:35
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 13 de Dezembro de 2009

Que Futuro?

publicado por Elisabete às 19:48
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2009

Apertar o cinto...

 

 

A receita do costume

 

Temos de novo o FMI à perna. O FMI é uma espécie de tutor que, quando não sabemos governar--nos, nos declara incapazes e passa a governar-nos por nós. A trapalhada financeira de um Orçamento feito "com grande sentido de responsabilidade", mas que, afinal, Teixeira dos Santos dixit, parece que foi elaborado "num quadro financeiro que não incorporava" o impacto real da crise financeira, mais a trapalhada de um Orçamento Rectificativo de que o mesmo Teixeira dos Santos não via, em Maio, "necessidade" e em Novembro já via, com medidas de contenção do défice (que cresceu 284% no 1.º semestre) que ainda em Julho garantia que não adoptaria pois "os números" davam "sinais claros de controlo da despesa", levaram o tutor a achar que era melhor ser ele a decidir o que deve fazer o Governo já que este parece não saber às quantas anda. E a receita é a santíssima trindade do costume: reduzir salários, reduzir prestações sociais, aumentar impostos, isto é, o que, nos anos 80, impôs a Mário Soares sob a estimulante divisa "apertar o cinto". Resta saber é se os portugueses têm mais buracos no cinto para apertar.
 
Manuel António Pina, Por Outras Palavras
Jornal de Notícias [04.Dez.2009]

 

publicado por Elisabete às 11:29
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

*mais sobre mim

*links

*posts recentes

* QUINTA DE BONJÓIA [PORTO]

* POMPEIA: A vida petrifica...

* JOSÉ CARDOSO PIRES: UM ES...

* PELA VIA FRANCÍGENA, NO T...

* CHILE: O mundo dos índios...

* NUNCA MAIS LHE CHAMEM DRÁ...

* ARTUR SEMEDO: Actor, galã...

* COMO SE PÔDE DERRUBAR O I...

* DÉCIMO MANDAMENTO

* CRISE TRAZ CUNHALISMO DE ...

* O CÓDIGO SECRETO DA CAPEL...

* O VOO MELANCÓLICO DO MELR...

* Explicação do "Impeachmen...

* CAMILLE CLAUDEL

* OS PALACETES TORNAM-SE ÚT...

* Tudo o que queria era um ...

* 1974 - DIVÓRCIO JÁ! Exigi...

* Continuará a Terra a gira...

* SETEMBRO

* SEM CORAÇÃO

* A ESPIRAL REPRESSIVA

* 1967 FÉ DE PEDRA

* NUNCA MAIS CAIU

* Alfama é Linda

* Por entre os pingos da ch...

* DO OUTRO LADO DA ESTRADA

* Não há vacina para a memó...

* Um pobre e precioso segre...

* Nada para mim. Portugal.

* Seis anos de divinos torm...

*arquivos

* Maio 2017

* Abril 2017

* Março 2017

* Fevereiro 2017

* Janeiro 2017

* Setembro 2016

* Junho 2016

* Abril 2016

* Novembro 2015

* Setembro 2015

* Agosto 2015

* Julho 2015

* Junho 2015

* Maio 2015

* Março 2015

* Fevereiro 2015

* Janeiro 2015

* Dezembro 2014

* Fevereiro 2014

* Janeiro 2014

* Dezembro 2013

* Novembro 2013

* Setembro 2013

* Agosto 2013

* Julho 2013

* Junho 2013

* Maio 2013

* Abril 2013

* Março 2013

* Fevereiro 2013

* Janeiro 2013

* Dezembro 2012

* Novembro 2012

* Outubro 2012

* Setembro 2012

* Agosto 2012

* Julho 2012

* Maio 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Janeiro 2012

* Dezembro 2011

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Setembro 2011

* Julho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Agosto 2010

* Julho 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* Fevereiro 2009

* Janeiro 2009

* Dezembro 2008

* Novembro 2008

* Outubro 2008

* Setembro 2008

* Agosto 2008

* Julho 2008

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2008

* Março 2008

* Fevereiro 2008

* Janeiro 2008

* Dezembro 2007

* Novembro 2007

* Outubro 2007

* Setembro 2007

* Agosto 2007

* Julho 2007

* Junho 2007

* Maio 2007

* Abril 2007

* Março 2007

* Fevereiro 2007

*pesquisar